Confirmado primeiro óbito por Covid-19 em Guaçuí na manhã desta quinta

Segundo as primeiras informações, trata-se de uma senhora de 72 anos que teve o caso confirmado nesta quarta-feira e veio a óbito nesta madrugada de quinta

Por Estevão Gomes 21/05/2020 - 14:55 hs

A notícia que ninguém queria dar aconteceu na manhã desta quinta-feira (21). Guaçuí registrou seu primeiro óbito por Covid-19 e isso pode mudar a Matriz de Risco a ser adotada no município de Risco Baixo para Moderado, o que deve ser definido até sábado (23). De acordo com informações da Vigilância Epidemiológica, da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), trata-se de uma senhora de 72 anos que teve o caso confirmado nesta quarta-feira (20) e veio a óbito nesta madrugada de quinta.

Um Boletim Epidemiológico foi divulgado, excepcionalmente, na parte da manhã, confirmando a informação. A senhora de 72 anos, moradora do Centro da cidade, foi atendida no Pronto Socorro Municipal e precisou ser isolada e entubada, porque apresentava sintomas graves. No entanto, não chegou a ser transferida para a Santa Casa de Cachoeiro, referência para os pacientes graves de Covid-19, no sul do Estado, pois o caso se agravou e ela veio a óbito. Ela era um dos casos confirmados nesta quarta-feira e que não havia sido divulgado o bairro, por causa de um problema no sistema que gera o relatório. 

Outra informação importante é que a Santa Casa de Cachoeiro está com 100% dos leitos de UTI ocupados. Por isso, a Santa Casa de Guaçuí informa que, devido ao aumento de demanda na região, o hospital já está se preparando para receber pacientes com o novo Coronavírus que precisam de vagas na UTI.

Os casos confirmados, em Guaçuí, subiram de 22 para 24 no total. O número de curados também subiu de 13 para 14 e os casos descartados foram de 63 para 71, enquanto os suspeitos caíram de 25 para 15. Com isso, as notificações permaneceram em 110 porque houve casos que foram direto para confirmados sem passar pela notificação. 

Entre os 14 curados, sete são do Centro da cidade, um do Manoel Monteiro Torres, um do Cid Moreira, dois do São José, um do bairro Antônio Martins, um do Jurema e um da Vila dos Professores. Dos outros 10 casos confirmados, três são do Centro da cidade, um do Manoel Monteiro Torres, um do Antônio Martins, dois da Vila dos Professores, dois do bairro Nova Guaçuí e um óbito do Centro, que era um dos casos que estavam sem endereço no boletim desta quarta-feira.

Os casos confirmados e suspeitos seguem sendo monitorados pelas equipes da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), em isolamento social, em suas casas. As pessoas que tiveram contato com esses pacientes, inclusive o caso de óbito, também estão sendo monitoradas. A Vigilância não passa informações pessoais das pessoas infectadas, apenas os bairros em que residem. 



Matriz de Risco

Com este óbito registrado nesta quinta-feira, Guaçuí pode passar do grupo de Risco Baixo para Risco Moderado, já conforme a nova Matriz de Risco para o contágio do Coronavírus (Covid-19), do Governo do Estado, que foi anunciado pelo governador Renato Casagrande, nesta quarta-feira (20) e passa a valer a partir deste domingo (24), podendo até determinar o fechamento total de municípios. 

Serão mantidos como critérios de classificação o Coeficiente de Incidência de casos confirmados nos municípios e a taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). Mas também levará em consideração os índices de isolamento social e letalidade da doença, além do percentual da população acima dos 60 anos que é considerada como grupo de risco. 

Por meio da soma desses fatores, os municípios serão classificados em risco baixo, moderado, alto ou extremo. Cada um desses fatores terá um peso na classificação de risco das cidades. O número de casos registrados terá peso de 50%, o índice de letalidade corresponderá a 20% e os percentuais de leitos disponíveis, isolamento e de pessoas acima de 60 anos, a 10%. A classificação de Risco Extremo será adotada caso a taxa de ocupação dos leitos de UTI superem o percentual de 91%.

Por sua vez, a Prefeitura de Guaçuí segue com as medidas que vêm sendo tomadas desde o começo de março, quando foram suspensas as atividades da Terceira Idade, até a implantação das barreiras sanitárias, desinfecção das ruas e o uso obrigatório de máscaras. Além do isolamento e distanciamento social, evitando aglomerações. O cidadão que quiser denunciar qualquer atitude que vá contra as medidas previstas nos decretos estadual e municipais, pode ligar para o telefone (28)99923-9942, por meio de mensagens.


Fonte: Comunicação Guaçuí