Romário vence em Iúna com pequena diferença

Candidato do PP venceu Coronel Weliton por 138 votos

Por Estevão Gomes 16/11/2020 - 17:44 hs
Foto: Redes sociais

Com o comparecimento de 77% dos eleitores de Iúna, o candidato do PP Romário Batista Vieira e o vice Claudio Deps venceram as eleições com 45,01% dos votos válidos, totalizando 6.663 dos sufrágios  apurados. Na segunda colocação, o atual prefeito, Weliton Virgílio Pereira (PV) com 44,08%. Ele teve 6.525 votos, 138 a menos que o eleito. Essa é a menor diferença de votos em uma eleição já vista em Iúna. Em terceiro lugar, aparece Rogério Cezar com 1.494 (10,09%) e Valmir da Perdição com 122 votos, equivalente a 0,82%.

Dos onze vereadores atuais, apenas dois – Paulinho da Toca e Emmanuel retornam para o próximo mandato. Cinco deles não disputaram as eleições para a Câmara. Dos onze eleitos, sete são novatos e dois que não estão na atual legislatura já tem passagem pela casa: Jonathan e Edson Márcio. 

Os partidos coligados na chapa de Romário tiveram grande performance também na eleição de vereadores. Eles conseguiram preencher seis das onze vagas da Câmara. Foram eleitos: Edson Márcio de Almeida, Jonathan Bonfonte, Valci Montoni (Tuiquinha), Paulo Leocádio da Silva (Paulinho da Toca), Emerson Soares e Geovane Furtado. No grupo do atual prefeito, foram eleitos Leonardo Teixeira, Matheus Fonseca, Helton Mariano e Admilson Souza (Flora). E no partido Republicanos, se elegeu Enfermeiro Emmanuel. 

Alicerçado na proposta de fazer uma campanha da mesma forma que administrou o município, ou seja, pregando honestidade e transparência, o prefeito Coronel Weliton enfatizou várias vezes que não iria gastar dinheiro com aliciamento de eleitores. Na semana da eleição, a pesquisa de opinião pública realizada pelo instituto EGS Consult apontava os dois tecnicamente empatados e, como previsto, a decisão ficou para o dia da eleição. O grupo de Romário trouxe um batalhão de cabos eleitorais para as ruas, vestidos com a camisa da campanha e enchendo a cidade de amarelo. Esse reforço definiu o placar, dando a vitória ao candidato do PP.  

Confira no gráfico abaixo o levantamento realizado pela EGS Consult durante o ano sobre o cenário político no município.